terça-feira, 10 de abril de 2007

Bola de carne (ou Folar) da Avó Teresa


Antigamente a avó Teresa fazia a bola de carne, ou folar,como lhe queiram chamar, da maneira mais tradicional possível: tudo feito à mão e só com ingredientes caseiros!
Agora, com os seus 80 anos é difícil amassar a massa à mão, pois é necessário muita energia. Depois de algumas "experiências" a avó Teresa conseguiu simplificar a tarefa de amassar, continuando a fazer esta bola maravilhosa!!!



  • 1kg de massa de pão (comprar a massa crua na padaria)
  • 6 ovos
  • Presunto / salpicão / chouriço
  • Frango

Em primeiro lugar estufar o frango com azeite, sal e pimenta até ficar bem cozido. Desfiar o frango. Misturar os ovos inteiros com a massa e adicionar um pouco do molho de estufar o frango. Juntar farinha, pouco a pouco, até que a massa fique com a mesma consistência que tinha antes de se juntar os ovos (a massa tem que se descolar das mãos). Untar um tabuleiro com o molho do frango, colocar uma camada de massa, depois as carnes e por ultimo, o resto da massa. Tapar o tabuleiro com um pano e deixar a massa levedar. Depois de levedar, pincelar a bola com o molho do frango e levar ao forno.


Sabia que ...
O Folar é tradicionalmente o pão da Páscoa em Portugal, um alimento ancestral fruto da mistura ritual e alquímica de sal, ovos e farinha de trigo.
A tradição do folar tem como base todo um ritual de partilha, solidariedade e confraternização, bem enraizado na gastronomia popular que se perde no tempo e profundamente carregado de significado simbólico e religioso.
Particularmente no nordeste de Trás-os-Montes (terra da Avó Teresa) o folar é confeccionado à base de massa fofa e recheado com carne de porco, presunto, salpicão e linguiça.

9 comentários:

jorge carvalho disse...

já provei e é muito bom

jorge carvalho disse...

já provei e é muito bom

Manú disse...

Me emocionei com as fotos da bola. Minha família é portuguesa, inclusive meus pais. Lembro que minha avó fazia esta bola deliciosa com quilos de farinha e montes e montes de toucinho e linguiças, eu nem esperava esfriar, de tão gulosa! Já pegava uns ons pedaços bem grandes e gordos e tacava manteiga para derreter logo.
Que delícia de foto, me despertou as melhores lembranças! Obrigada.
Uma beijoca,
Manú

Eliana Scaramal disse...

Cheguei até sua cozinha vendo um comentário seu em algum blog dos tantos que visito. :) Adorei! Parabéns, pelas receitas e fotos! Ja peguei claro receitinhas.

Goretti disse...

Agora ia uma fatia dessa bela bola... Adoro! A minha família é de uma região onde se faz muito bola, de bacalhau, salpicão, presunto, carne, etc.... Nunca fiz, porque acho que não tenho a energia e paciência para a amassar!!!
Parabéns pelo seu blog
Goretti

Elvira disse...

Que delícia! Adoro! :-)

Sonia Novaes disse...

Olá

Muita coincidência mesmo.
Minha avó era dessa região e tb chamava-se Teresa...
Fquei emocionada em ler sua histórias...
Bjs
Sonia Novaes

graziella disse...

que folar espetacular: a massa está maravilhosa!!!

graziella disse...

esqueci de enviar 1 abraço bem forte para a Avó Teresa !!!

vc já tentou fazer ? para ver se eu seria tb capaz ....