sexta-feira, 29 de abril de 2016

Molotof de Chocolate, Morango e Baunilha com Cobertura de Doce de Ovos



Considero-me uma pessoa abençoada. Tenho uma mãe maravilhosa e também sou mãe de dois "pestinhas" maravilhosos. Este fim de semana, de acordo com a tradição, é dia da Mãe. Poderá ser um clichê mas ... dia da Mãe é todos os dias. Sim, todos os dias! Porque nós, as mães, estamos sempre presentes e prontas para amar incondicionalmente. Resolvi fazer um molotof para o dia da Mãe porque a minha Mãe ADORA molotof com uma generosa cobertura de doce de ovos, salpicado com amêndoa laminada torrada .... 
Mas apeteceu-me variar o molotof um "bocadinho"! E o resultado foi um molotof colorido, com diferentes sabores e muito bonito! Concordam?


  • 15 claras
  • 15 colheres(sopa) de açúcar
  • 1 colher (café) essência de baunilha
  • Topping de morango
  • Topping de chocolate
  • 2 gotas de corante alimentar vermelho
  • cerca de 200 ml de creme de ovos
  1. Bater 5 claras em castelo. Adicionar 5 colheres de açúcar e a essência de baunilha e bater mais um pouco. Reservar;
  2. Bater 5 claras em castelo. Adicionar 5 colheres de açúcar e topping de chocolate a gosto. Bater mais um pouco. Reservar.
  3. Bater mais 5 claras em castelo. Adicionar 5 colheres de açúcar, topping de morango a gosto e o corante alimentar vermelho (opcional, o corante funciona apenas para salientar o tom rosa). Bater mais um pouco. Reservar.
  4. Bem, agora é só colocar, numa forma untada com manteiga, a massa de chocolate por baixo, a seguir a de morango e por ultimo a de baunilha (ou por outra ordem, se preferir) ;
  5. Bata com o fundo da forma na banca 2 ou 3 vezes, para a massa "assentar" bem;
  6. Leve ao forno, pré aquecido, a 200º, em banho Maria durante 15 minutos (1 minuto por cada clara). NÃO abra o forno, nem para ver se está cozido. Confie ... 1 minuto para cada clara / 200º graus!!! Deixe o molotof dentro do forno até arrefecer (isto evitará que abata muito);
  7. Desenformar e colocar o creme de ovos por cima!

sábado, 23 de abril de 2016

Queijo de Cabra fresco com Pistáchios e Mel de Rosmaninho


Queijo de cabra já é muito bom. Com pistáchios e Mel de Rosmaninho da Casa Lucena Portugal é ainda melhor. O crocante do pistachios contrasta com a cremosidade do queijo. O mel de Rosmaninho dá-lhe um toque muito especial. Tem um tom claro e luzidio e  é o mais doce dos méis. De origem silvestre, colhido nas zonas livres de poluição da Beira Interior e Beira Baixa. A receita é muito fácil, rápida e deliciosa!



  1. Colocar o queijo de cabra numa base de servir;
  2. Picar grosseiramente os pistáchios e colocar por cima do queijo;
  3. Cobrir o queijo, generosamente, com mel de Rosmaninho;
  4. Acompanhar com pão saloio ou tostas!


quarta-feira, 20 de abril de 2016

E sai mais um petisco ... Chocos fritos em polme de cerveja!!!


Mais um petisco de fazer água na boca!!!

  • 500 gr de chocos limpos e cortados em tiras
  • 1 ovo
  • 90 gr de farinha
  • 1 colher (sopa) de óleo
  • 1 colher (café) de fermento
  • 100 ml de cerveja
  • Sal & pimenta


  1. Colocar uma panela com água ao lume até ferver. Quando ferver juntar os chocos e deixar ferver novamente durante 1 minuto. Retirar do lume e escorrer;
  2. Temperar os chocos com sal, pimenta e sumo de limão;
  3. Passar as tiras de choco pelo polme e fritar em óleo bem quente (cuidado … este processo “espicha”!!!)

Polme

  1. Bater o ovo com a farinha, o fermento e o óleo;
  2. Adicionar, aos poucos, a cerveja e continuar a bater até obter uma mistura homogénea;
  3. Deixar o polme descansar durante cerca de 1 hora;



sábado, 16 de abril de 2016

Está na hora de mais um derby Benfica vs Sporting! Vai uma fatia de bolo de chocolate?


Como sabem, tenho dois rapazes. O mais velho também já teve o seu bolo "campo de futebol". Desta vez foi o mais novo que pediu um campo de futebol para o aniversário. Acredito que a maioria dos rapazes já pediu um bolo destes. Acreditem que é muito fácil de lhes fazer a vontade. Só precisam de comprar alguns jogadores, 2 balizas uma bola e muita "relva"!!! Si,, e a pedido do aniversariante, a base, teria de ser, obviamente, um delicioso bolo de chocolate. Desta vez optei por uma receita da Annabel Langbein. O bolo ficou delicioso e muito fofo. Além disso pode fazê-lo com um ou dois dias de antecedência sem que a qualidade e o sabor fiquem comprometidos.


  • 3 chávenas de farinha com fermento
  • 2 chávenas de açúcar
  •  1 e 1/2 colher de chá de extrato de baunilha
  • 3/4 chávenas de cacau em pó
  • 2 colheres (chá) de bicarbonato de sódio
  • 200 gramas de manteiga amolecida
  • 1 chávena de  iogurte natural
  • 3 ovos grandes
  • 1 chávena de café a ferver ( descafeínado)


  1. Colocar todos os ingredientes numa tigela;
  2.  Bater até obter uma massa bem homogénea;
  3. Colocar a massa numa forma retangular, untada e forrada com papel vegetal;
  4. Levar ao forno pré aquecido (175ª) ate o bolo estar cozido (fazer o teste do palito)


Para a decoração:
  • 1 chávena de doce de ovos;
  • Relva (farripas de óstia verde)
  • Coco ralado
  • 2 equipas de futebol
  • 2 balizas
  • 1 bola


  1. Cobrir a superfície do bolo com o doce de ovos (ou outra cobertura, da sua preferência);
  2. Cobrir o doce de ovos com a “relva”;
  3. Fazer as marcações do campo com coco ralado,
  4. Colocar as balizas;
  5. Posicionar os jogadores …
  6. E que comece o jogo!






quarta-feira, 13 de abril de 2016

Biscoitos Lucena ... ou ... biscoitos de mel de flores silvestres, amêndoa e azeite


Tenho que começar esta postagem, elogiando o mel de Flores Silvestres com Amêndoas da Casa Lucena Portugal. Trata-se de um Mel Puro de flores, suave e delicado, internacionalmente premiado e enriquecido com amêndoas. O perfume que deu aos biscoitos e a delicadeza da sua doçura são impossíveis de descrever! Podem achar que estou a exagerar, mas, fiquei completamente rendida a este mel Mel Premium enriquecido com amêndoas.




  • 6 ovos
  • 350 g de açúcar branco
  • 120 g de Mel de Flores Silvestres com Amêndoas da Casa Lucena Portugal
  • 100 ml de azeite
  • 750 g de farinha
  • 1 colher (chá) de fermento
  1. Num recipiente misture o açúcar com o mel e o azeite;
  2. Depois junte os ovos e bata até obter um creme homogéneo;
  3. Envolva a farinha e o fermento (será melhor fazer este processo com as mãos);
  4. Com a ajuda de uma colher de chá, colocar pequenas bolas de massa, sobre um tabuleiro forrado com papel vegetal. Deixe algum espaço entre os biscoitos porque eles vão crescer. Pode decorar com lâminas de amêndoa;
  5. Agora é só levar ao forno pré aquecido (+-180º) até ficarem douradinhos!








Uma receita que não se vão arrepender de experimentar!
Adaptada do livro Biscoitos, Bolachas & Bolinhos do Chef Gilberto Costa.



domingo, 10 de abril de 2016

Abacates recheados com salada de tomate cereja e queijo curado



Um prato vegetariano que, no entanto, agradou bastante aos carnívoros!


  • 3 abacates
  • 6 ovos
  • 200g de tomate cereja
  • meia cebola 
  • 100g de queijo curado esfarelado
  • coentros q.b.
  • sal & pimenta & Flor de Sal
  • sumo de lima
  • Vinagre balsâmico


  1. Abrir os abacates a meio, retirar o caroço e cerca de 2 colheres (sopa) da polpa;
  2. Temperar os abacates com sal, pimenta e um pouco de sumo de lima;
  3. Colocar as metades de abacate num tabuleiro de ir ao forno forrado com papel vegetal;
  4. Partir um ovo para dentro de cada metade de abacate e temperar com sal & pimenta;
  5. Levar ao forno, pré-aquecido, a 200º, durante cerca de 20 minutos ou até o ovo estar a seu gosto;
  6. Enquanto os abacates estão no forno vamos preparar a salada:
  7. Numa taça, juntar a cebola picada, com os tomates partidos em quartos, o queijo esfarelado, a polpa de abacate cortada em cubos e alguns coentros;
  8. Temperar com Flor de Sal, pimenta, azeite e um pouco de vinagre balsâmico;
  9. Agora é só acompanhar os abacates com esta saladinha!